José Rodrigo Rodriguez

Morrer em São Paulo

In Poemas para mim mesmo on 02/03/2011 at 19:25

Um telefonema atrás do outro
e um prédio
e uma tarefa
e um caco de conversa
rasgando a face nua
e um tímpano
e um ônibus
e uma pessoa
e uma refeição atrás da outra
e uma hora –
novelo de aço escurecido –
tudo pára.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: