José Rodrigo Rodriguez

Berlim (e Hamburgo) aos pedaços (XI): Participe da suruba multicultural queer na cabana de Martin Heidegger

In Aforismas e fragmentos, Berlim aos pedaços on 27/01/2010 at 20:15

Escrevo para convocar todos os interessados a participarem de uma suruba multicultural queer de 24 horas a se realizar na cabana de Martin Heidegger em Todtnauberg, Alemanha. A atividade será intitulada “O Ser são vários (e eu amo todos ao mesmo Tempo)” e terá como objetivo promover a diversidade e a integração ideológica, étnica, cultural e sexual.

Durante a atividade haverá a apresentação de  DJs e bandas ao vivo, além da distribuição gratuita de preservativos e água. Cada participante será responsável, evidentemente, por sua própria comida.

A atividade será filmada e fografada, respeitando-se a identidade dos participantes que não desejarem aparecer em filmes e fotos. Com este material, será realizado um documentário e uma exposição.

Todos os participantes contarão com serviços jurídicos gratuitos caso sofram ameaças de deportação ou sejam processados pelas autoridades em razão da atividade, cujo cunho é essencialmente político.

Interessados em participar da suruba, por favor, escrevam para este blogue para serem informados do dia e do horário, estratégia para entrar e permanecer na cabana e trajes requeridos para serem admitidos no recinto.

Anúncios
  1. Eu já não sei mais se é pra dar risada ou levar a sério!

  2. Mas continue com a sua fase berlinense, por favor. Não sei se entendo muita coisa, mas gosto bastante. Do seu irmão.

  3. Eu topo, é perto de Berlim?

  4. Eu confesso que fiquei bastante curioso – como já é da minha natureza…
    aguardo desdobramentos…
    onde fica a cabana do heideger?

  5. Sexo cabeça? Qual o traje, um livro de capa dura com mais de 600 páginas, pra dar umas pancadinhas (de leve)? Serve a bíblia?

  6. Explicando a piada: não Guerreiro, o problema é que Heidegger era nazista e sua obra fala de coisas muito elevadas, sublimes, toca as fímbrias do ser. Por isso mesmo, essa maldita cabaninha na Floresta Negra tem sido tão mistificada, que nada seria mais divertido e libertador do que zoar o barraco do velho nazistão, nunca arrependido, junto com um monte de freaks!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: