José Rodrigo Rodriguez

Sobre o mesmo assunto de Paul Valéry…

In Poemas para mim mesmo on 04/08/2009 at 17:12

helicopter

O helicóptero

de  José Rodrigo Rodriguez

A poesia, como qualquer pessoa,
resiste a explicações.
 
Quem seria capaz de dizer,
definitivamente,
o que realmente é?

Pontos de vista, mudanças pessoais, mudanças
políticas e convulsões sociais:
poesia é maneira de ser
indivíduo.

Deslocar, condensar, transformar a linguagem, 
usar as palavras contra a lei,
criar novas regras:
a poesia e as pessoas só estão
vivas
quando podem transformar.    

E é preciso respeitá-las,
rótulos, papéis, funções:
aprisionar a poesia
como se faz com o amor
para poder controlá-la:

a poesia sempre tentará fugir.

Nascer, crescer, morrer,
reinventar-se para lidar com
o tempo, ou adequar-se ao maquinismo
exasperantemente para
comer, vestir, amar
e comprar.
 
Ser indivíduo é dizer:
“Chega!”,
nem que seja para escrever um verso
plácido-desesperado:
“Chega!”,
ou qualquer acorde dissonante,
aliás
poesia  indivíduo dissonante.

Um grito pode surgir
em qualquer lugar,
no meio da frase, é um
estado da linguagem,
como saúde e alegria
são um estado do
corpo-alma.

A poesia é como um helicóptero rugindo
alto,
surgindo do
nada em
qualquer lugar,

um helicóptero, beija-flor, avião de papel ou
dente de leão que capturam o olhar e
alteram
as feições da paisagem e
fazem
o coração parar e
dar um salto.

A poesia é a língua acelerando nosso sangue.

Palavras de amor, palavras de ódio,
pele-palavra, nota-sílaba:
a poesia, como som,
acontece também no
simultaneamente,
 
poesia que ruge, treme e eleva,
como um helicóptero.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: